Quarta, 25 Novembro 2020 08:30

*Deliberadamente*

Escrito por
Vote neste texto
(0 votos)

 

Gosto quando vens assim,
Deliberadamente,
Repleto de segundas intenções,
Arrastando os passos,

Como sinal vermelho,
Alertando sobre as coisas do Amor.

Na sandice das minhas ilusões,
Quando a tua mão percebe e toca a minha,
O sim concedido é imensamente maior que o espaço acalorado,
E perfilado,

Entre o teu e o meu corpo.

Em ousadia,
Quando toco as estrelas pousadas em teu olhar lânguido,
Sinto que o céu se curva à dádiva deste encontro,
Tão profundo,
Tão único e Indecifrável... 

Assim...
Em extasia.


Feito uma homenagem,
Feito festa em brilho e encantamento,
Honrando ato tão perpétuo,
Tão visceral.


Infinitamente desenhado,

Escrito,

E lapidado,

Pelos teus dedos,
Na folha branca do meu corpo...

 

Angela Lazzari 

(Aos dezesseis dias do mês de Fevereiro de 2020).

Lido 36 vezes Última modificação em Quarta, 25 Novembro 2020 08:37

Deixe um comentário