Domingo, 21 Fevereiro 2021 11:09

*Sangra e Vive (todos os dias)* - (II)

Escrito por Anggel
Vote neste texto
(1 Voto)

 

Colho estes pequenos pedaços,

Esparramados em outono cinzento.

Há de se ter palavras doces,

Meu Universo.

- Meu encantamento.

 

Na breve soleira do viver infindável,

Deixo-me em viço, florescer.

Derramo, na fé,

Espera intragável.

 

Sangra a felicidade,

- Todos os dias.

Minha alma em céu escarlate, resiste.

- E vive.

 

Pedaço a pedaço é o coração.

- Incurável e desajeitado.

- Pequeno espaço transfigurado.

 

- Se as palavras são desiguais,

- É porque deslizo em minha humanidade.

- E duvido da minha própria sanidade.

 

Este é o bem da verdade:

- Vive e Sangra.

- Sangre e Vive.

 

Todos os dias...

 

Angela Lazzari

Lido 98 vezes

Deixe um comentário